Arquivos da categoria: Além da SPTuris

Pet Friendly – Nilton Roberto Cassola

Nilton Roberto Cassola (GTI) bateu nosso record, por enquanto! Ele é dono do Nenê (ganso), do Pato Gordo (pato), do  Fio 1 e Fio 2 (marrecos brancos), da Pantufa (pug), do Serelepe (esquilo), da Fia (galinha) e seus pintinhos: Banquinho, Pretinho e Amarelinho, entre outros. Envie fotos com seu pet também para boletim@spturis.com.

Estimação
Nilton e Fia (galinha). Foto: acervo pessoal.
NaoseremosHaqueadostaofacilmenteaquina@spturis.2089
Esquilo Serelepe e sua manga. Foto: acervo pessoal.
NaoseremosHaqueadostaofacilmenteaquina@spturis.2089
Cadelinha Pantufa (pug) e Nilton. Foto: acervo pessoal.
NaoseremosHaqueadostaofacilmenteaquina@spturis.2089
Nenê (ganso), Pato Gordo (pato), Fio 1 e Fio 2 (marrecos brancos) e Fia (galinha). Foto: acervo pessoal.

Pet Friendly

Em homenagem ao Dia Internacional dos Animais, comemorado em 4 de outubro, o boletim SPTuris com Você traz um especial sobre os pets dos nossos colaboradores. Seja um passarinho, iguana, galinha, cão, gato, coelho, jabuti… os animais de estimação tornam mais alegres os dias de quem com eles convive! “Eles nos dão um amor incondicional e uma dedicação tão puros, que levam embora toda a tristeza e o estresse do dia a dia; é uma experiência emocional muito gratificante”, declara Mylene Cyrino (GCP), que cuida de nove pets.

Envie uma foto com seu pet para boletim@spturis.com!

38377_408699910845_8382022_n
Nara de Lima e seu cão Beirut. Foto: acervo pessoal.
NaoseremosHaqueadostaofacilmenteaquina@spturis.2089
Gleide Silva e seu cão Nino (lhasa branco) no Parque Buenos Aires. Foto: acervo pessoal.
NaoseremosHaqueadostaofacilmenteaquina@spturis.2089
Mylene Cyrino tem quatro galinhas, um galo e quatro cães. Na imagem: a cachorrinha Mel. Foto: acervo pessoal.
NaoseremosHaqueadostaofacilmenteaquina@spturis.2089
Marcelo Iha e seu cão Camore na Cãorrida.. Foto: acervo pessoal.

Sem desculpas

Cuidar de si mesmo e fazer atividades físicas são essenciais para ter uma boa qualidade de vida. Estudos já mostraram que cerca de uma hora de caminhada por dia ajuda a combater o excesso de peso, melhora a auto-estima, a postura, a aparência da pele, diminui a ansiedade, entre tantos outros benefícios.

E já que estamos no Anhembi, há vários lugares no entorno para mexer o corpo. Uma delas é a própria Avenida Olavo Fontoura, onde há uma ciclovia para pedalar, e frequentemente o espaço é compartilhado por pessoas que praticam corrida e caminhada.

Outras opções também são encontradas ao redor, como a pista localizada na Avenida Braz Leme, quase toda plana e rodeada de verde, trazendo um pouquinho de tranquilidade em meio ao cinza. O agende de manutenção civil, Maurílio Freitas, costuma andar ali e também usa os aparelhos de ginástica. “Passei a me sentir muito bem e mais disposto depois que voltei a praticar atividade”, conta.

Pista de Cooper e Caminhada Bráz Leme. Foto: divulgação.
Pista de Cooper e Caminhada na Braz Leme. Foto: Foursquare.
Pista de Cooper e Caminhada Bráz Leme. Foto: divulgação.
Pista de Cooper e Caminhada na Braz Leme. Foto: Foursquare.

Outro local próximo é o Centro de Esportes Radicais (Av. Pres. Castelo Branco, 5700), que possui estrutura para prática de skate, bike, patins, patinete, além de um espaço para parkour e outras atividades.

Centro de Esportes Radicais. Foto: divulgação.
Centro de Esportes Radicais. Foto: Secom/ PMSP.
Centro de Esportes Radicais. Foto: divulgação.
Centro de Esportes Radicais. Foto: Secom/ PMSP.

Ainda é possível fazer esportes mais convencionais no Centro Esportivo Tietê (Av. Santos Dumont, 843), do outro lado da ponte das Bandeiras, que possui pista de caminhada, amplo espaço de grama artificial, quadras de tênis, de basquete, parque infantil, equipamentos de ginástica e outros.

Centro Esportivo Tietê. Foto: divulgação.
Centro Esportivo Tietê. Foto: divulgação.

Já a academia Sampa Soccer, que fica dentro do hotel Holiday Inn, é uma opção para quem prefere um ambiente em local fechado e com diversidade de aparelhos para treinamento funcional e preventivo. Há método criado a partir dos exercícios e movimentos do futebol. E o melhor é que o local oferece desconto exclusivo para funcionários da SPTuris. Para Marusa Trevisan (GRH), que treina lá há algum tempo, a academia é um ambiente acolhedor e o fato de ser perto a torna prática: “Já saio do trabalho e vou direto fazer atividade física. Não dá tempo de a preguiça me pegar”, comenta.

Sampa Soccer. Foto: divulgação.
Sampa Soccer. Foto: divulgação.

QUIZ – Qual músico da SPTuris combina com o seu estilo?

Qual músico da empresa combina com o seu estilo musical? Escolha uma alternativa para cada pergunta e veja o resultado abaixo!

Foto: divulgação.

1) Como você costuma se exercitar?

a) Correr na esteira
b) Pedalar
c) Levantar a barra até suar
d) Fazer aulas aeróbicas n
e) Caminhar na rua
f) Fazer yoga
g) Fazer aulas de dança

Print

2) Você prefere comer..

a) Hambúrgue
b) Virado à paulista
c) Churrasco
d) Macarronada
e) Comida caseira
f) Comida natural
g) Feijoada

Print

3) Em um domingo, qual seria sua escolha de passeio?

a) Barzinho com os amigos
b) Ver um jogo de futebol
c) Pular de paraquedas
d) Ver uma peça de teatro
e) Ir a Igreja
f) Andar pela Av. Paulista e Rua Augusta
g) Pagode na laje

Print

4) Qual sua bebida preferida?

a) Wisky
b) Caipirinha
c) Vodka
d) Martini
e) Refri
f) Suco
g) Cerveja

Print

5) Em São Paulo, você gosta de visitar que lugar?

a) Pub
b) Sesc
c) Galeria do Rock
d) Beco do Batman
e) Sala São Paulo
f) Beco 203
g) Quadra de escola de samba

Print

6) Qual item não pode faltar no seu guarda-roupa?

a) camiseta de banda
b) chapéu panamá
c) jaqueta de couro
d) suspensório
e) camisa social
f) calça skinny
g) bermuda branca

 

Print

7) Qual seu apresentador de TV preferido?

a) João Gordo
b) Raul Gil
c) Supla
d) Jô Soares
e) não vejo TV
f) Fábio Porchat
g) Regina Cazé

 

Resultados

Confira em suas respostas qual letra foi a mais marcada:

rock
Da esquerda para a direita: Arthur Schommer (ao centro), Cláudio Pontífice e Fabio Montanheiro.

a) ROCK – Não é de hoje que as camisetas de banda habitam o seu guarda-roupa. Passar aquele domingo ouvindo o bom e velho rock, só pode ficar melhor em um pub com os amigos, não é? Não esconda seu vinil de Led Zeppelin e deixe pública sua lista no Spotify, porque aqui na empresa tem muita gente que também gosta do estilo. Os músicos que podem fazer um concerto pra você são: Fábio Montanheiro, Arthur Schommer e Cláudio Pontífice.

Print
Mário Mammana.
Print
João dos Patos.

b) MPB – Não perde um show no Sesc e até já te conhecem lá. O CD da Gal Costa não fica mais na caixinha porque já mora no player do carro. Pois é, o MPB faz parte da sua vida e a sugestão é curtir um barzinho, tomando aquela caipirinha enquanto escuta um som, voz e violão, ao vivo. Os músicos da empresa que podem fazer um concerto pra você são: João dos Patos e Mário Mammana.

Print
Marcelo Iha.

c) PUNK – Alguma vez na vida já usou moicano ou coloriu o cabelo, as músicas do Ramones, Sex Pistols ou The Clash não saem da cabeça e a vontade de mergulhar no mosh não deixa de existir. O melhor mesmo é usar qualquer roupa rasgada e surrada, jaqueta de couro, corrente e cinto de rebites. Pois bem, prepare seu pior tênis ou coturno e aproveite o bate-cabeça. O músico da empresa que pode fazer um barulho pra você é: Marcelo Iha.

Print
Felipe Coutinho.

d) JAZZ – O som da bateria de fundo e o sax tocando são a companhia perfeita para um domingo, enquanto visita a Vila Madalena. No seu fim de semana, uma peça de teatro ou um cinema já estão programados. O jazz é sua trilha sonora da vida e o ritmo te acompanha no dia-a-dia. O músico da empresa que pode fazer um concerto pra você é: Felipe Coutinho.

Print
Edson dos Santos.

e) GOSPEL – Louvar é sempre a escolha certa, você respeita os diferentes estilos de música, mas prefere o som do órgão e do violino da igreja. O músico da empresa que você poderá ouvir tocando no culto é: Edson dos Santos.

Print
Ruben Domingues.

f) ALTERNATIVO – O Lollapaloza é um sonho todo ano, sempre tem alguma banda que você curte. Não que o velho rock dos anos 1970 e 1980 não agrade, mas curte mesmo ouvir o alternativo dos anos 1990 e começo dos 2000: Strokes, Blink e Arctic Monkeys com certeza são os clipes mais assistidos. Sem contar que a saideira dos rolês de sábado sempre acabam na Rua Augusta. O músico da empresa que pode fazer um concerto pra você é: Ruben Domingues.

Print
Jefferson Teixeira.

g) SAMBA – Começo de ano é a melhor época e poder trabalhar no Sambódromo o torna mais gostoso ainda. Não perde um ensaio na quadra da escola de samba e aos domingos no tradicional churrasco com a família sempre está tocando os melhores enredos, ou, então, Martinho da Vila. O músico da empresa que pode fazer um concerto pra você é: Jefferson Teixeira.

Print
Maurice Prado.

-> Caso as respostas não tenham uma quantidade maior de uma letra apenas: Você é ECLÉTICO: no rock, MPB, jazz ou qualquer outro estilo, é confortável estar acompanhado de boa música. Aos domingos, nada melhor do que ir a um barzinho com um sarau onde é possível experimentar músicas diferentes que misturam todos os ritmos. O músico da empresa que pode fazer um concerto pra você é: Maurice Prado.

 

Guitarrista em ascensão

PrintGuthrie Govan é um dos maiores guitarristas do mundo e um exemplo para Arthur Schommer, aprendiz da Gerência de Turismo, que começou a tocar guitarra em 2013. Integrante de uma banda ainda em formação, é ouvinte de Metallica, Steven’s Seagulls, Megadeath e outras bandas de blues, jazz, rock e metal.

Sua primeira apresentação foi em um evento no salão do bairro, no qual tocou violão para acompanhar seu amigo rapper Aaron. O começo foi inspirado pelos grandes ídolos. Depois de algumas aulas, com o básico como acordes e contagem de tempo, a internet fez o resto do serviço. YouTube, sites de tablaturas, como o Songster, são os responsáveis pelo contínuo aprendizado do jovem guitarrista que, hoje, já tira as músicas de ouvido.

Os instrumentos cativam e ele confessa que adoraria aprender novos sons, como o do teclado e do banjo, o último, conhecido da banda Steven’s Seagulls, que tocou em Interlagos, no Maximus Festival. Aos domingos, ele ensaia com a guitarra Michelly, uma Strinberg Les Paul preta com detalhes bege. O aprendiz também sonha com o futuro e, apesar de não almejar tornar-se profissional, é fácil se imaginar com 50 anos, uma guitarra Fender nas mãos e tocando “Symphony of Destruction”, do Megadeth.

César Magnum, eu e Bruno Kainã. Foto: acervo pessoal.
César Magnum, Arthur Schommer e Bruno Kainã. Foto: acervo pessoal.