Arquivos da categoria: Anhembi

Anhembi pode receber uma das maiores conferências tecnológicas do planeta

Cidade de São Paulo é candidata a sediar Web Summit, criada na Irlanda e transferida para Portugal, que busca parceiros para edição voltada ao público da América Latina

A Web Summit, uma das maiores conferências em tecnologia do mundo, que ocorre em Lisboa, Portugal, e engloba assuntos como inovação e empreendedorismo, pode aportar em São Paulo em 2022. Isso porque a cidade se candidatou oficialmente para sediar o evento no Brasil.

Nesta quarta-feira (29), o vice-presidente e gerente nacional em Portugal da Web Summit, Artur Pereira, acompanhado de Francisco Maciel, da Cioeste (Consórcio intermunicipal da Região Oeste Metropolitana de São Paulo), parceira da Web Summit, visitou o Pavilhão de Exposições do Anhembi. O executivo foi recebido na sede da SPTuris, onde conversou com João Carlos de Oliveira, gerente de Pesquisa da SPTuris.

Na parte da tarde, os representantes da Web Summit visitaram a Secretaria Municipal de Turismo e se reuniram com o secretário municipal de Turismo, Miguel Calderaro, para receber a candidatura oficial da cidade. Também estavam presentes o secretário municipal de Inovação e Tecnologia, Juan Quirós, e a presidente da SP Negócios, Silvana Buzzi.

As conversas ainda estão em preliminares e outras cidades do Brasil também sinalizaram interesse em receber o evento. São Paulo, entretanto, impressionou o executivo da Web Summit, com seus números grandiosos e a estrutura para recepção do público. A última edição do Web Summit na capital portuguesa teve público de mais de 70 mil pessoas.

Diretoria de Negócios e Turismo

Informamos que desde 11/12, com efeito retroativo a 2/12/2019, foi feita a fusão da diretoria de Marketing e Vendas e da Diretoria de Turismo, passando ambas a se chamar Diretoria de Negócios e Turismo – DNT.
Segue o organograma da nova área:

Confira as áreas de atuação da DNT

O novo setor conta com 16 áreas de atuação, divididas em diretoria, assessorias, gerências e coordenadorias. Abaixo você pode conferir algumas das principais atividades de cada uma:

ANT – Assessoria da Diretoria de Negócios e Turismo:

– Assessorar a Diretoria de Negócios e Turismo em assuntos e projetos de gestão, decisões, elaborar relatórios etc.

ANP – Assessoria Técnica de Normativas e Procedimentos em Eventos:

– Elaborar cadernos técnicos relativos a contratações de serviços e equipamentos para atender a eventos.

– Dar suporte a ações relativas aos grandes eventos produzidos pela Gerência de Produção de Eventos Externos e Gerência de Produção de Eventos Internos e Projetos Estratégicos.

GPI – Gerência de Produção de Eventos Internos e Projetos Estratégicos:

– Planejar, produzir, operacionalizar, controlar, acompanhar e avaliar eventos internos e projetos especiais.

CEI – Coordenadoria de Eventos Internos:

– Coordenar o atendimento e a orientação aos clientes de eventos internos (Palácio de Convenções e Pólo Cultural e Esportivo Grande Otelo).

– Acompanhar a montagem, realização e desmontagem executadas por clientes com suporte da Gerência de Operações.

CPE – Coordenadoria de Projetos Estratégicos:

– Coordenar ações referentes a projetos da Prefeitura Municipal de São Paulo, realizados pela SPTuris, oferecendo suporte técnico e administrativo.

– Acompanhar e dar suporte aos eventos previstos no Calendário de Eventos da Cidade de São Paulo, cuja execução seja designada à São Paulo Turismo e a critério das Secretarias demandantes.

GPE – Gerência de Produção de Eventos:

– Planejar, produzir, operacionalizar, controlar, acompanhar e avaliar eventos externos.

CEC – Coordenadoria de Produção de Eventos e Cerimonial:

– Avaliar as demandas de eventos do Gabinete do Prefeito e Secretarias Municipais, através de contratos firmados com a Prefeitura.

– Coordenar a produção de eventos autorizados pela Prefeitura ou os institucionais realizados na Cidade de São Paulo, fora do âmbito do Parque Anhembi.

CEN – Coordenadoria de Serviços e Suportes a Eventos Externos – ZN e ZL:

– Coordenar a análise da demanda de eventos promovidos por entidades, associações e subprefeituras.

– Supervisionar a produção do evento realizada pelo solicitante e avaliar o resultado obtido.

CEO -Coordenadoria de Serviços e Suportes a Eventos Externos – ZO, ZS e Centro:

– Coordenar a análise da demanda de eventos promovidos por entidades, associações e subprefeituras.

– Supervisionar a produção do evento realizada pelo solicitante e avaliar o resultado obtido.

GPC – Gerência de Planejamento e Controle:

– Planejamento, apoio a execução, controle e acompanhamento das ações administrativas necessárias à produção de eventos.

– Executar todo o procedimento administrativo, com elaboração da planilha de cobrança para o seu devido encaminhamento.

– Realizar a gestão de todo o processo licitatório relativo à contratação de serviços e instalações pela DNT.

CPC – Coordenadoria de Planejamento e Controle:

– Acompanhar e controlar o planejamento administrativo dos eventos, nas seguintes frentes: planejamento e controle financeiro; suprimentos; serviços terceirizados.

– Participar de reuniões estratégicas com órgãos públicos.

– Fiscalizar o estrito cumprimento às normas e procedimentos, contratos, convênios, termos de conduta e outras recomendações legais.

GTU – Gerência de Turismo:

– Articulação, implantação e gerenciamento de projetos de turismo, com conteúdo e atendimento a turistas, atuando diretamente junto à SMTur, e com diversos órgãos e associações do setor.

CTU – Coordenadoria de Turismo:

– Coordenação das atividades da equipe, elaboração de projetos diversos e apoio à gerência.

GAE – Gerência de Ações Estratégicas:

– Gerência responsável pela comercialização de serviços acessórios aos eventos realizados no complexo Anhembi (internet e telefonia, mídia), além da gestão de concessionários do complexo e demais projetos especiais para a SPTuris.

– Desenvolve e implementa ações e procedimentos para comercialização de diversos formatos de mídia, disponibilizando locais estratégicos com visibilidade e circulação de pessoas.

GVM – Gerência de Vendas, Marketing e Planejamento e CVM – Coordenadoria de Vendas, Marketing e Planejamento:

– Gerência responsável pela comercialização dos espaços locáveis do complexo Anhembi, além de criação de ações de marketing, a fim de manter relacionamento com clientes/mercado e divulgação dos espaços e eventos a prospects e ao público.

– Captação de patrocínio para eventos da Cidade de São Paulo e outros projetos relacionados ao complexo Anhembi e à cidade.

Momento de confraternização da DNT, em 17/12/19. Foto: Janete Novaes/ SPTuris.

Medidas para melhoria do conforto acústico no entorno do Anhembi

A São Paulo Turismo, responsável pelo Anhembi, está preocupada em mitigar os danos causados pelo barulho aos moradores do entorno do Parque.

Estamos em processo de contratação de técnicos para medição de ruído e para emissão de laudos técnicos, além de um consultor de acústica.

Estamos mudando também as regras dos contratos, com novos limites de horários para realização de shows. Aos domingos, por exemplo, os horários serão revistos e limitados. Temos feito, ainda, na medida do possível, a revisão dos contratos já assinados com os promotores.

Proibimos permanentemente e de maneira irrestrita o uso de fogos de artifício com estampido, de qualquer natureza, sendo permitido apenas o seu efeito visual. Incluímos em nossos contratos cláusula que determina o cumprimento da lei municipal em relação a fogos de artificio.

Inclusive, já notificamos o promotor do evento que descumpriu a regra da pirofagia no fim de semana dos dias 26 e 27 de outubro de 2019.

Estão em andamento tratativas com especialistas em sonorização para estabelecer parâmetros de posicionamento de equipamentos, a fim de diminuir o incômodo causado aos vizinhos do complexo.

Estamos tomando as medidas necessárias.

No último dia 14 de novembro, com a concordância do promotor do evento, fizemos a transferência do show da Arena para o Pavilhão de Exposições para fins de avaliação da propagação sonora, e tivemos uma resposta positiva de moradores do entorno.

Temos realizado reuniões operacionais com todos os promotores de eventos que acontecem no espaço, ocasião em que são mencionadas todas as regras de utilização dos espaços locados, bem como a legislação que envolve o entorno do centro de eventos, tais como trânsito de pessoas, segurança, fluxo de veículos e níveis de ruídos.

A empresa tem trabalhado com os promotores, em especial de shows musicais, para que os mesmos utilizem equipamentos e estruturas de som que diminuam os níveis de ruídos que podem eventualmente causar incômodo aos moradores do entorno. Além disso, há um trabalho em andamento que estabelece parâmetros mínimos de infraestrutura para as festas organizadas no local, que deverão ser respeitados pelos promotores e fornecedores.

Os níveis de ruído são estabelecidos pela Lei de Parcelamento Uso e Ocupação do Solo (LPUOS – Lei nº 16.050/16). Entretanto, como o complexo Anhembi é uma Zona de Ocupação Especial – ZOE, os parâmetros para essa área foram estabelecidos pelo Decreto 58.623/19 (Projeto de Intervenção Urbana para a Zona de Ocupação Especial do Complexo Anhembi – PIU Anhembi), publicado em fevereiro.

Estamos, ainda, consultando especialistas de mercado e verificando o que foi feito em outras entidades quando da implantação de equipamentos semelhantes. Esse estudo prévio tem um período de maturação para se fazer o efetivo estudo e adequação, uma vez que esse problema com queixas da vizinhança nessa intensidade é relativamente recente (2018), considerando-se que o Anhembi está próximo dos 50 anos de história e sedia shows há décadas, sem termos recebido reclamações de moradores do entorno referentes a barulho antes de 2018. Nesses levantamentos prévios que estamos fazendo foi vista a necessidade de que a medição seja feita localmente nas áreas do entorno de onde estão sendo feitas as reclamações, além de ser feita também no próprio complexo do Anhembi. É um levantamento extenso que demanda estudo de notório saber.

Importante lembrar que o mercado de eventos, aqui representado pelo Anhembi, seus clientes e fornecedores, é fonte de geração de empregos e movimenta a economia na região desde a sua fundação.

A Diretoria Executiva da SPTuris, em reunião realizada em 19 de novembro, decidiu suspender temporariamente a venda da locação de espaço para shows no Sambódromo. Essa medida visa aguardar a elaboração, pela área de Marketing e Vendas, do novo regramento de vendas para eventos no Sambódromo, e que terá como objetivo primordial a questão da emissão de ruídos.

Alguns contratos, todavia, estão em andamento e terão de ser cumpridos (foram assinados em momentos anteriores). Portanto, nossa vizinhança poderá, ainda, sofrer incômodos sonoros.

Algumas ações já são imediatas. Outras, requerem investimento e prazo. O nosso prazo para sanar o ruído excessivo será o mínimo necessário.

Por isso, pedimos a sua paciência e compreensão!

Visita de alunos de Arquitetura e Urbanismo

No dia 12/11 (terça-feira), os alunos do curso de Arquitetura e Urbanismo do Centro Universitário Adventista de São Paulo, Campus Engenheiro Coelho, visitaram o Complexo Anhembi.

A atividade foi promovida pelo SESC, em homenagem ao Arquiteto Jorge Wilheim. O presidente da SPTuris, Osvaldo Arvate Jr, cumprimentou a professora e os estudantes que participaram da visita.

Confira as fotos de José Cordeiro, da SPTuris.

Seminário de Tecnologias das escolas municipais

O Palácio das Convenções do Anhembi é o palco nesta quarta-feira (13) e quinta-feira (14) da 3ª edição do Seminário e Mostra de Tecnologias – Ação promovendo a reflexão e Conferência Educom São Paulo.

Reunindo cerca de 4 mil pessoas em dois dias, o evento pretende potencializar o uso das tecnologias para aprendizagem de forma inovadora entre alunos da rede municipal de ensino da cidade de São Paulo. São oficinas, palestras sobre temas e eixos do currículo escolar.

No dia 13 de novembro, das 8h às 12h, e das 13h às 17h, participam do evento estudantes e educadores das DREs: Butantã, Campo Limpo, Capela do Socorro, Freguesia/Brasilândia, Guaianases, Ipiranga, Itaquera.

Já no dia 14 de novembro, nos mesmos horários, estarão presentes as DREs: Jaçanã/Tremembé, Penha, Pirituba/Jaraguá, Santo Amaro, São Mateus, São Miguel Paulista.

Foto: Jose Cordeiro/SPTuris
Foto: Jose Cordeiro/SPTuris
Foto: Jose Cordeiro/SPTuris
Foto: Jose Cordeiro/SPTuris

Cerimônia de entrega de viaturas à CET

O presidente da SPTuris, Osvaldo Arvate Jr., participou na manhã de 4 de novembro da cerimônia de entrega de viaturas à CET, no Sambódromo do Anhembi.

Estavam presentes também Edson Caram, secretário municipal de Mobilidade e Transportes, e Jair de Souza Dias, presidente da CET.

Foram colocados em operação 332 novos veículos nas ruas para gerir o trânsito e atender a população paulistana nas vias da cidade. O montante representa uma renovação de 30% dos 1.088 veículos que compõem a frota atualmente.

A medida aumenta a presença da CET em todas as regiões da cidade, melhorando o
desempenho da operação em campo, beneficiando principalmente o cidadão.

Confira as fotos de Jose Cordeiro, da SPTuris.

Desenho urbano no Anhembi: oficina de artes visuais do Sesc São Paulo

O desenho é uma das primeiras formas de expressão do ser humano, desde códigos gravados em paredes de cavernas pré-históricas até os rabiscos de uma criança na escola primária. As possibilidades desta arte são muitas. Partindo dessa ideia, o Sesc São Paulo organizou uma oficina de técnicas básicas sobre o desenho urbano no Anhembi, com Fernanda Vaz de Campos, urban sketcher de São Paulo. A organização da atividade contou com a participação de Angelina Gaúna, arquiteta da SPTuris.

Foto: Jose Cordeiro/ SPTuris.

O evento faz parte da “Conversas na Praça: o urbanismo de Jorge Wilheim”, uma exposição dividida em oficinas, mostras e atividades em homenagem ao arquiteto, urbanista e gestor público. Por essa razão, a oficina se concentrou no Terraço do Palácio, de frente ao Auditório Celso Furtado, famoso por seu formato circular e ainda assim repleto de linhas, arquitetado pelo próprio Wilheim.

Foto: Jose Cordeiro/ SPTuris.

O cenário propicia a exploração de conceitos básicos do desenho de rua, como composição, perspectiva, definição de planos e hachuras (técnica de desenho). Como encontrar um bom ângulo, dicas de materiais e como compor o desenho no papel ou sketchbook foram algumas das propostas oferecidas por Fernanda ao grupo de 7 inscritos.

Formada em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Presbiteriana Mackenzie, durante toda a sua vida profissional ela utilizou o desenho como uma importante ferramenta de trabalho. “O meu objetivo aqui é mostrar que desenhar não é algo para ser temido, e sim explorado. Por muito tempo nós somos levados a ignorar o desenho, mesmo com ele presente em nossa comunicação desde sempre”, aponta a ilustradora.

Foto: Jose Cordeiro/ SPTuris.

Um dos participantes do curso, o publicitário Flávio corrobora o pensamento da professora. “Comecei pelo computador, mas sentia falta do desenho, de mexer com a mão. Eu queria aprender a técnica com uma professora e quem sabe possa continuar”, conta.

Foto: Jose Cordeiro/ SPTuris.

Seja para homenagear o legado de um dos mais importantes e visionários urbanistas brasileiros ou mesmo contemplar um prédio exprimindo suas linhas em um papel, é sempre um prazer para o Anhembi receber grupos que reflitam a arte e sua produção na contemporaneidade paulista.

 

Renovação no Espelho D’Água do Anhembi

O Espelho D’Água do Anhembi é um monumento projetado pelo arquiteto Roberto Burle Marx, e é parte integrante do projeto de Jorge Wilheim para o  Anhembi. Foi construído quando da inauguração do Pavilhão de Exposições, ocorrida no 7º Salão do Automóvel, em 20 de novembro de 1970.

Em 2004, para as comemorações do Aniversário de 450 anos da Cidade de São Paulo, recebeu intervenções arquitetônicas e paisagísticas: uma parte do Espelho D’Água foi demolida, e o espaço correspondente passou ao domínio do edifício do atual Hotel Holiday Inn. A parte remanescente ficou no formato que hoje conhecemos, entre a Sede Administrativa, o Auditório Elis Regina e o Pavilhão de Exposições Oeste.

Foto: Jose Cordeiro/ SPTuris.

O paisagismo também foi alterado na obra de 2004, e não mantem as características do projeto original de Burle Marx. Ao longo do tempo, se estabeleceu como o habitat para a fauna existente no local, constituída de peixes, aves exóticas (gansos ou pombos) e algumas aves nativas que utilizam o local como ponto de suas rotas migratórias.

Foto: Marcelo Iha/ SPturis.
Foto: Marcelo Iha/ SPTuris.

A água é turva por ter em sua constituição rico material orgânico, oferecendo um meio propício para a fauna, lembrando que não há grades ou cercas.

Foto: Jose Cordeiro/ SPTuris.

Todo o conjunto necessita de manutenção periódica. Parte das ações necessárias estão previstas para as próximas semanas: limpeza manual dos tanques, retirada de material orgânico, impermeabilização dos trechos onde necessário, e pintura para a recuperação da cor do fundo (preto) conforme projeto original do Burle Marx. Para tanto, os peixes, que estão em número pequeno, serão manualmente transferidos de um tanque ao outro. Os devidos cuidados serão tomados para a preservação das aves, e serão observadas e existência de ninhos para a proteção adequada, se necessário.

Foto: Jose Cordeiro/ SPTuris.
Foto: Jose Cordeiro/ SPTuris.

O objetivo da ação é fazer, com os recursos disponíveis, que o ambiente continue sendo um agradável ponto ornamental no Anhembi.

Abertura da Expo Cristã

O presidente da SPTuris, Osvaldo Arvate Jr., participou na manhã de 17/10 da abertura da Expo Cristã, no Pavilhão de Exposições do Anhembi.

A cerimônia teve presença do prefeito de São Paulo, Bruno Covas, do presidente da Câmara Municipal de São Paulo, Eduardo Tuma, e outros vereadores.

 

Fotos: Jose Cordeiro/ SPTuris

Presidente faz reunião com líderes do mercado de eventos

O presidente da SPTuris, Osvaldo Arvate Jr, realizou nesta segunda-feira (14/10) uma reunião com líderes do mercado de eventos para reforçar que o Anhembi continua disponível para receber eventos. Ele fez um panorama especialmente do Pavilhão de Exposições, que tem previsão de receber melhorias para atender os clientes que queiram realizar eventos no espaço.

O encontro foi idealizado pelo diretor executivo do Sindiprom-SP (Sindicato de Empresas de Promoção, Organização e Montagem de Feiras, Congressos, e Eventos do Estado de São Paulo), Armando Arruda Pereira De Campos Mello. Estiveram presentes também os diretores da SPTuris Fred Rozanski, Marco Carreira, Rodrigo Kluska, além de colaboradores da DMV, da DTE e apoio da equipe de Comunicação.

Confira algumas imagens:

Fotos: Marcelo Iha/ SPTuris.