Cuidados com a saúde no inverno

Com a chegada dos dias mais frios, os cuidados com a saúde precisam ser redobrados. A queda da temperatura, associada à baixa umidade do ar, faz com que nosso organismo sinta a mudança climática, tanto interna quanto externamente.

Por isso, no inverno, além de consultar a temperatura prevista para o dia antes de sair de casa, dê uma olhadinha na umidade relativa do ar e adote os cuidados necessários.

Fonte: Climatempo.

Veja algumas dicas que podem ajudar a preservar sua saúde na estação mais fria do ano.

Mantenha os ambientes arejados. É muito importante abrir as janelas durante algumas horas do dia para renovar o ar do ambiente.

Atenção para as roupas e cobertores. Com a chegada do frio, tiramos do fundo do armário aqueles casacos grossos e cobertores que não vimos o ano interno. Antes de usá-los, o ideal é lavá-los e deixá-los secando ao sol, para remover todas as impurezas impregnadas pelo tempo guardado.

 Cuide da sua pele. Diminua o tempo no banho e evite água muito quente. Dê preferência a sabonetes neutros e use loções hidrantes em todo o corpo para evitar o ressecamento da pele. E não esqueça de beber bastante água.

Mantenha as vias aéreas sempre hidratadas. Com o ar seco, o nariz, os olhos e a boca se desidratam e podem até perder parte de suas capacidades de defesa. A pequena quantidade de água em forma de vapor na atmosfera também permite que as partículas de poluentes fiquem mais tempo flutuando no ar e entrem em contato com essas mucosas. Use soro fisiológico para umidificar olhos e narinas.

Lembre-se: Se já possui doença respiratória, mantenha o uso das medicações prescritas para o controle. Mantenha suas vacinas em dia.

Outras medidas também podem reduzir o risco de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o coronavírus. São elas:

  • Evitar tocar nos olhos, no nariz e na boca, principalmente se não estiver com as mãos limpas.
  • Lavar as mãos frequentemente com água e sabonete ou usar álcool gel 70%.
  • Cobrir a boca e o nariz ao tossir ou espirrar, usando um lenço de papel ou o braço, nunca as mãos. Depois, jogar o lenço descartável no lixo.
  • Ficar a pelo menos dois metros de distância de pessoas doentes.
  • Limpar e desinfetar objetos e superfícies usados com frequência, como o celular.
  • Utilizar máscaras de proteção quando precisar sair de casa.