Arquivos da categoria: Turismo

Reunião na Câmara discute futuro do setor de Turismo, Lazer e Gastronomia

A reunião de trabalho da Comissão Extraordinária de Apoio ao Desenvolvimento do Turismo, do Lazer e da Gastronomia aconteceu virtualmente e foi realizada na tarde do dia 03/06. Contou com a presença do secretário municipal de Turismo, Miguel Calderaro Giacomini, dos vereadores Soninha Francine (Cidadania 23), José Police Neto (PSD) e vereador e presidente da Comissão Rodrigo Goulart (PSD), que presidiu a reunião, além de outras autoridades do setor.

A reunião tratou dos impactos da pandemia no segmento do turismo e sobre a retomada das atividades econômicas na cidade, dando palavra a importantes representantes como Percival Maricato, da ABRASEL – Associação Brasileiro de Bares e Restaurantes, Armando Campos Mello, da UBRAFE – União Brasileira dos Promotores de Feiras, Marcos Villas Boas, da ABIH SP – Associação Brasileira Indústria Hotéis São Paulo. Representantes de setores como artesanato, transportadoras, veículos e frotas e comércio, também explanaram suas preocupações quanto à falta de previsibilidade para poderem se programar, dificuldade para acessar os protocolos e linhas de financiamento oferecidas pelo governo, e da união e entendimento da importância em apresentar segurança para o cliente.

Os representantes do governo na comissão se comprometeram apresentar para o prefeito de São Paulo, Bruno Covas, as reivindicações, sugestões apresentadas neste grande encontro, e estudos aplicados por outras capitais pelo mundo, que estão 40 dias a nossa frente e já permitiram a abertura do comércio e restaurantes. Tratarão também sobre o tempo de abertura dos shoppings, que a ampliação do horário, e não somente as 4 horas, trará menos aglomeração até mesmo no transporte público.

Impactos da Covid-19 no turismo paulistano – Boletim 2

A São Paulo Turismo (SPTuris), por meio das gerências de Pesquisa e de Turismo, com o apoio da gerência de Comunicação, apresenta o segundo boletim com indicadores dos impactos da pandemia de Covid-19 no setor de turismo e eventos da cidade. São dados historicamente monitorados pelo OTE, além da compilação de informações fornecidas por entidades e instituições parceiras, que ajudam a mensurar os efeitos da pandemia na atividade turística do município.

Também foram aplicadas pesquisas com segmentos do mercado, de abordagem quanti-qualitativa, a fim de compreender, de forma mais abrangente, os impactos e necessidades de ações para retomada. Essas pesquisas poderão ser replicadas ao longo do isolamento social.

Ao término deste período, todas as informações serão compiladas em um relatório geral dos impactos da pandemia de Covid-19 no turismo da cidade de São Paulo.

Confira o segundo boletim dos impactos da pandemia de Covid-19 no setor de turismo e eventos da cidade no link abaixo:

BOLETIM_SP_COVID_19_Edição_2

Comtur faz primeira reunião de 2020

A 213ª Assembleia do Conselho Municipal de Turismo (Comtur) foi realizada na manhã de hoje (02), virtualmente pelo Teams. Este foi o primeiro encontro de 2020 e contou com a presença do secretário municipal de Turismo, Miguel Calderaro Giacomini; do diretor de Negócios e Turismo, Fred Rozanski; da gerente de Turismo, Fernanda Ascar; do presidente da Comissão de Turismo na Câmara Municipal, Rodrigo Goulart (PSD), além de outras autoridades do setor.

Foto: Jose Cordeiro/ SPTuris

O encontro e falou sobre as ações da SMTur para o momento da pandemia, junto à hotelaria, aos promotores e organizadores de eventos, e aos guias de turismo. O projeto Vidas no Centro, cuja produção é da SPTuris, foi um dos destaques da reunião.

Miguel reforçou a importância da união do setor enviando propostas que farão parte da retomada segura da economia na cidade, as quais serão analisadas pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico e do Trabalho, em conjunto com a Secretaria da Saúde.

Ao final da reunião, Toni Sando, presidente do Visite São Paulo, informou que o Ministério do Turismo lançará um selo para reconhecer estabelecimentos que seguem boas práticas e o secretário Miguel sugeriu a criação de um selo municipal para bares, restaurantes e hotéis, e recebeu apoio do vereador Rodrigo Goulart e do diretor Fred Rozanski.

Polo de Ecoturismo de São Paulo é apresentado a integrantes do Programa Investe Turismo

Representantes da Secretaria Municipal de Turismo acompanharam colaboradores da Secretaria de Turismo do Estado de São Paulo e do Sebrae-SP para reconhecimento de algumas atividades turísticas desenvolvidas no Polo

São Paulo, 5 de janeiro de 2020 – O Polo de Ecoturismo de São Paulo, localizado em Parelheiros, no extremo Sul da cidade, recebeu, no final de janeiro, a visita de um grupo especial: um verdadeiro comitê do turismo na cidade, com integrantes da Secretaria Municipal de Turismo, do Sebrae-SP, da Secretaria Estadual de Turismo e da SPTuris.

Na Cachoeira de Marsilac é possível praticar atividades como boia-cross e rafting. Foto: José Cordeiro/SPTuris

“Ter a presença dessa equipe numa visita técnica na região marca o início de uma importante parceria para a implantação do Plano de Desenvolvimento do Turismo Sustentável do Polo. Junto aos empresários locais também envolvidos, podemos consolidar esta região, tão rica em recursos naturais e culturais, em um polo turístico para ser visitado com conforto e infraestrutura”, explica Miguel Calderaro, secretário Municipal de Turismo de São Paulo. “As pessoas vão visitar e vão se surpreender com o que vão encontrar”, acrescenta.

 

A visita faz parte do programa do Sebrae nacional com o Ministério do Turismo, chamado Investe Turismo, que tem como objetivo aumentar a qualidade e a competitividade de 30 rotas turísticas estratégicas do Brasil com foco na geração de emprego. A capital foi uma das rotas escolhidas e as ações serão focadas no Polo de Ecoturismo e no Triângulo SP, no Centro da cidade.

“Foi muito importante poder apresentar o Polo de Ecoturismo para esses parceiros e, com isso, conseguir levar mais investimentos e capacitação para a região”, explica Fernanda Ascar, gerente de Turismo da SPTuris. “O Polo de Ecoturismo em Parelheiros é uma atração inusitada dentro de uma grande metrópole como São Paulo, pois lá temos a possibilidade de oferecer ecoturismo, turismo de base comunitária e turismo rural. E o turismo é uma alternativa para gerar renda para a região, ao passo que incentiva a preservação do meio ambiente”, finaliza.

O Polo tem diversas propriedades rurais que produzem alimentos orgânicos. Foto: José Cordeiro/SPTuris

Aline Delmanto, gestora estadual de turismo do Sebrae-SP, explica que “o foco do Sebrae vai ser sempre o micro e o pequeno empresário. Atuamos na formalização ou na estruturação da gestão dos pequenos negócios. Embora tenhamos como objetivo consolidar produtos, nós temos de garantir que esses empresários estejam com a gestão estruturada para que o negócio não seja fechado depois de alguns meses”. “A gente realiza uma trilha de capacitação de gestão, colocando os empresários em salas de aula, com trabalho de formação de negócios, trabalhando nas frentes de alimentação fora do lar e de guias turísticos”, finalizou.

Borboletário Águias da Serra recebe turmas escolares e tem acomodações para hospedagem. Foto: José Cordeiro/SPTuris

Os profissionais envolvidos na visita se encontraram na CIT – Central de Informação Turística do Polo, localizado na Avenida Teotônio Vilela, e seguiram acompanhados de guias locais, o que é recomendado que seja feito pelos demais visitantes, pois o guia local conhece a região, que é bem grande (28% do território da cidade de São Paulo), possibilitando a “otimização” do tempo e da visita.

O roteiro escolhido para a visita passou pelo Centro Paulus, uma pousada com galeria de arte, e por uma ida a um sítio que produz legumes, hortaliças e plantas alimentícias não convencionais (panc), como a taioba. O sítio faz parte de um outro projeto que prepara as propriedades rurais para receber visitantes. Ainda antes do almoço, os visitantes conheceram o Borboletário Águias da Serra e, na parte da tarde, antes de retornarem à CIT, foram até o Selva SP – Parque de Aventura, onde está localizada a Cachoeira de Marsilac.

Descida de tirolesa passa por cima do rio Capivari e da Cachoeira de Marsilac. Foto: Jose Cordeiro/SPTuris

O Polo de Ecoturismo de São Paulo foi criado pela Lei 15.953/14 para que a região, que abrange Parelheiros, Marsilac e Ilha do Bororé, receba investimentos e serviços voltados à atividade turística. Para saber mais acesse: www.cidadedesaopaulo.com/ecoturismo .

Diretoria de Negócios e Turismo

Informamos que desde 11/12, com efeito retroativo a 2/12/2019, foi feita a fusão da diretoria de Marketing e Vendas e da Diretoria de Turismo, passando ambas a se chamar Diretoria de Negócios e Turismo – DNT.
Segue o organograma da nova área:

Confira as áreas de atuação da DNT

O novo setor conta com 16 áreas de atuação, divididas em diretoria, assessorias, gerências e coordenadorias. Abaixo você pode conferir algumas das principais atividades de cada uma:

ANT – Assessoria da Diretoria de Negócios e Turismo:

– Assessorar a Diretoria de Negócios e Turismo em assuntos e projetos de gestão, decisões, elaborar relatórios etc.

ANP – Assessoria Técnica de Normativas e Procedimentos em Eventos:

– Elaborar cadernos técnicos relativos a contratações de serviços e equipamentos para atender a eventos.

– Dar suporte a ações relativas aos grandes eventos produzidos pela Gerência de Produção de Eventos Externos e Gerência de Produção de Eventos Internos e Projetos Estratégicos.

GPI – Gerência de Produção de Eventos Internos e Projetos Estratégicos:

– Planejar, produzir, operacionalizar, controlar, acompanhar e avaliar eventos internos e projetos especiais.

CEI – Coordenadoria de Eventos Internos:

– Coordenar o atendimento e a orientação aos clientes de eventos internos (Palácio de Convenções e Pólo Cultural e Esportivo Grande Otelo).

– Acompanhar a montagem, realização e desmontagem executadas por clientes com suporte da Gerência de Operações.

CPE – Coordenadoria de Projetos Estratégicos:

– Coordenar ações referentes a projetos da Prefeitura Municipal de São Paulo, realizados pela SPTuris, oferecendo suporte técnico e administrativo.

– Acompanhar e dar suporte aos eventos previstos no Calendário de Eventos da Cidade de São Paulo, cuja execução seja designada à São Paulo Turismo e a critério das Secretarias demandantes.

GPE – Gerência de Produção de Eventos:

– Planejar, produzir, operacionalizar, controlar, acompanhar e avaliar eventos externos.

CEC – Coordenadoria de Produção de Eventos e Cerimonial:

– Avaliar as demandas de eventos do Gabinete do Prefeito e Secretarias Municipais, através de contratos firmados com a Prefeitura.

– Coordenar a produção de eventos autorizados pela Prefeitura ou os institucionais realizados na Cidade de São Paulo, fora do âmbito do Parque Anhembi.

CEN – Coordenadoria de Serviços e Suportes a Eventos Externos – ZN e ZL:

– Coordenar a análise da demanda de eventos promovidos por entidades, associações e subprefeituras.

– Supervisionar a produção do evento realizada pelo solicitante e avaliar o resultado obtido.

CEO -Coordenadoria de Serviços e Suportes a Eventos Externos – ZO, ZS e Centro:

– Coordenar a análise da demanda de eventos promovidos por entidades, associações e subprefeituras.

– Supervisionar a produção do evento realizada pelo solicitante e avaliar o resultado obtido.

GPC – Gerência de Planejamento e Controle:

– Planejamento, apoio a execução, controle e acompanhamento das ações administrativas necessárias à produção de eventos.

– Executar todo o procedimento administrativo, com elaboração da planilha de cobrança para o seu devido encaminhamento.

– Realizar a gestão de todo o processo licitatório relativo à contratação de serviços e instalações pela DNT.

CPC – Coordenadoria de Planejamento e Controle:

– Acompanhar e controlar o planejamento administrativo dos eventos, nas seguintes frentes: planejamento e controle financeiro; suprimentos; serviços terceirizados.

– Participar de reuniões estratégicas com órgãos públicos.

– Fiscalizar o estrito cumprimento às normas e procedimentos, contratos, convênios, termos de conduta e outras recomendações legais.

GTU – Gerência de Turismo:

– Articulação, implantação e gerenciamento de projetos de turismo, com conteúdo e atendimento a turistas, atuando diretamente junto à SMTur, e com diversos órgãos e associações do setor.

CTU – Coordenadoria de Turismo:

– Coordenação das atividades da equipe, elaboração de projetos diversos e apoio à gerência.

GAE – Gerência de Ações Estratégicas:

– Gerência responsável pela comercialização de serviços acessórios aos eventos realizados no complexo Anhembi (internet e telefonia, mídia), além da gestão de concessionários do complexo e demais projetos especiais para a SPTuris.

– Desenvolve e implementa ações e procedimentos para comercialização de diversos formatos de mídia, disponibilizando locais estratégicos com visibilidade e circulação de pessoas.

GVM – Gerência de Vendas, Marketing e Planejamento e CVM – Coordenadoria de Vendas, Marketing e Planejamento:

– Gerência responsável pela comercialização dos espaços locáveis do complexo Anhembi, além de criação de ações de marketing, a fim de manter relacionamento com clientes/mercado e divulgação dos espaços e eventos a prospects e ao público.

– Captação de patrocínio para eventos da Cidade de São Paulo e outros projetos relacionados ao complexo Anhembi e à cidade.

Momento de confraternização da DNT, em 17/12/19. Foto: Janete Novaes/ SPTuris.

Última assembleia de 2019 do Comtur é marcada por chegada de novo secretário municipal de Turismo

Encontro tratou de temas como Festival de Natal, apresentação do Polo de Ecoturismo de Paralheiros e da reinauguração do Museu Paulista em 2022

A 212ª Assembleia do Conselho Municipal de Turismo (Comtur) foi realizada na tarde desta quarta-feira (11), no auditório do Centro Cultural Banco do Brasil, na região central da cidade.

Foto: Jose Cordeiro/ SPTuris.

Além de ser o último encontro neste ano, a reunião foi também a primeira com a presença do novo secretário municipal de Turismo, Miguel Calderaro Giacomini.

Miguel Calderaro Giacomini, secretário municipal de Turismo, e Osvaldo Arvate Jr., presidente da SPTuris. Foto: Jose Cordeiro/ SPTuris.

A abertura da assembleia foi feita por Armando Arruda Pereira de Campos Melo, do Sindicato de Empresas de Promoção, Organização e Montagem de Feiras Congressos e Eventos do Estado de São Paulo (Sindiprom), que apresentou o calendário da Ubrafe e mostrou uma pesquisa atualizada sobre o volume de negócios gerados em eventos no Brasil.

Foto: Jose Cordeiro/ SPTuris.

O secretário municipal de Turismo, Miguel Calderaro Giacomini, falou sobre as melhorias das Centrais de Informação Turística da cidade, pedindo sugestões aos presentes, para avaliação posterior na SMTur.

O empresário e representante do Polo de Ecoturismo de São Paulo, Roberto Carlos, apresentou dois vídeos com atividades de recreação e opções turísticas do local. Um dos vídeos, produzido pela TV SPTuris, mostrou turistas praticando tirolesa e fazendo descida de rio e passeios na Ilha do Bororé. “Quero encerrar, em nome do Conselho de Empreendedores do Polo, agradecendo à SPTuris que, ao longo dos últimos 15 anos, têm nos atendido em todas as nossas solicitações com muito entusiasmo e profissionalismo”, declarou.

João Carlos de Oliveira, gerente de Pesquisa da SPTuris, Osvaldo Arvate Jr., presidente da SPTuris, e Marcelo Costa, secretário Executivo de Turismo do Estado de são Paulo. Foto: Jose Cordeiro/ SPTuris.

O encontro teve ainda apresentações do Welcome Lounge e do Boomerangoo, respectivamente um equipamento para receber turistas e uma ferramenta de buscas que unifica os interesses do turista de negócios.

Por Heverton Nascimento/ SPTuris

Observatório de Turismo e Eventos participa de palestra sobre mercado norte-americano

Os profissionais convidados realizaram um debate sobre o tema

Na última quinta-feira, dia 5 de dezembro, o Observatório de Turismo e Eventos da Cidade de São Paulo, representado pelo gerente João Carlos de Oliveira, prestigiou a apresentação da palestra “Mercado de América del Norte: cómo mejorar las relaciones y la captación de negocios y eventos de esta audiencia”, realizada por Eduardo Chaillo, gerente geral América Latina da Global General Manager.

A palestra foi realizada na sede do Visite São Paulo, como ação de promoção e geração de oportunidades no setor de viagens e eventos.

Calendário esportivo e resultados de eventos são assuntos da 211ª Assembleia do Comtur

Por Heverton Nascimento

O Conselho Municipal de Turismo da cidade de São Paulo realizou na tarde desta terça-feira, 22, a sua 211ª assembleia. O encontro foi realizado na sala Tiradentes da Câmara Municipal de São Paulo, na região central da cidade, e foi conduzido por Júnior Fagotti, secretário-adjunto da Secretaria Municipal de Turismo (SMTur) e por Osvaldo Arvate Jr., presidente da São Paulo Turismo (SPTuris). O secretário-adjunto da Secretaria Municipal de Esportes (SEME), Thiago Lobo, também compôs a mesa, já que um dos assuntos apresentados foi o calendário de eventos esportivos da cidade.

A assembleia também funcionou como uma antecipação da prestação de contas de eventos recentes do qual o turismo da cidade de São Paulo foi representado, para fomentar o segmento. Assim, João Carlos de Oliveira, gerente de Pesquisa da SPTuris, apresentou as impressões que teve em visita ao Cazaquistão, para participar do 8ª Cúpula Global sobre Turismo Urbano “Cidades Inteligentes, Smart Destinations”, da OMT. E Cintia Mari Hayashi, diretora de promoção do Visite São Paulo, apresentou os resultados da prospecção realizada no M&I Chicago 2019, em que a cidade foi apresentada como destino de turismo de negócios e eventos a diversos interessados do mundo todo.